Barões
gestão - Joana Carvalho

Sem gestão não há Brand Publishing

Head de Gestão da Barões, Joana Carvalho fala da importância da organização e da consistência nos projetos da empresa e conta um pouco de sua história profissional

29 de outubro de 2021

Raphael Crespo

Ao longo dos meses de setembro e outubro de 2021, a Barões Digital Publishing realizou uma série de simpósios internos para, junto dos sócios e de toda sua equipe, compartilhar os conhecimentos e os métodos de trabalho de todas as áreas de sua operação. O Brand Publishing Brasil aproveitou a oportunidade e entrevistou as lideranças de cada uma dessas áreas. Este artigo inaugura nossa série “Quem faz Brand Publishing no Brasil”, que ao longo dos próximos meses trará não apenas detalhes da metodologia de uma martech especializada em transformar marcas em publishers, mas também os perfis de profissionais de comunicação, marketing e negócios – inclusive do lado das marcas – das pessoas que fazem tudo isso acontecer. A primeira delas será a jornalista Joana Carvalho, Head de Gestão da Barões.

Gestão em publishing

Primeira empresa 100% brasileira a trabalhar e disseminar o Brand Publishing no país, a Barões vem construindo desde 2017 um portfólio com grandes marcas atendidas. E Joana Carvalho, na equipe desde março de 2019, vem crescendo profissionalmente e ajudando a martech a crescer.

Formada em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense, com habilitações em Jornalismo e Publicidade, Joana trabalhou por mais de dez anos com comunicação corporativa, em assessoria de imprensa e relações públicas. E a gestão de projetos acabou se tornando uma nova vertente em sua carreira.

“Até chegar a Barões minha experiência com gestão era no atendimento aos clientes e nos processos internos. Aceitei o desafio de ser responsável pela gestão dos projetos na Barões porque o Brand Publishing exige processos estruturados e organização para funcionar em níveis de excelência. Além disso, a consistência é prerrogativa básica em um projeto desse tipo. E a gestão é a ferramenta para garantir essa eficiência”, afirma Joana.

Crescimento profissional

A profissional que chegou na Barões, definitivamente, não é a mesma após o curso de dois anos e sete meses com um desafiador período de pandemia no meio.

“Aprendo todos os dias na Barões. Sou outra profissional se comparar com a Joana que chegou há dois anos. Antes, eu tinha mais perfil de executora. Hoje, planejo antes de começar a realizar qualquer tarefa”

“E isso faz toda diferença em relação às minhas entregas e como gestora também. Sempre fui organizada, mas hoje a minha organização é mais processual. E por isso consigo planejar grandes entregas em excelência com os prazos. E isso impacta diretamente no modo de pensar e gerir as equipes”, conta a jornalista que virou gestora.

Premissas de Gestão

Em sua apresentação no simpósio interno, Joana falou sobre tudo o que rege o importante pilar da gestão dentro de uma martech como a Barões. A começar pelas premissas dessa gestão, que são:

  • Brand Publishing é consistência e organização.
  • Os processos são imprescindíveis para a consistência e a organização do projeto de publishing.
  • A estruturação dos processos permite a criação de métodos próprios.
  • A aplicação dos métodos permite a padronização para escala de projetos.

Cada etapa de um projeto envolve vários processos e operações sistemáticas, com as seguintes etapas:

Contato operacional diário e reuniões semanais com o cliente

O processo de Brand Publishing é matricial. E o atendimento da Barões tem uma visão multidisciplinar e integrada de processos. A martech atua como equipe estendida do cliente e lidera a agenda da implementação de uma mídia proprietária para a marca, com foco total na disciplina.

Para isso, cada projeto tem um grupo de trabalho operacional, com interlocutores dos departamentos de marketing e comunicação do cliente e a equipe da Barões envolvida no projeto, que mantém contato diário.

Semanalmente, esse grupo se reúne para um checkpoint que passa por todos os pormenores do dia a dia do projeto, passando por audiência, conteúdo, produto, distribuição, redes sociais e demandas específicas.

Metodologia exclusiva desenvolvida pela Barões, os checkpoints são semanais para que se mantenha um bom ritmo de evolução do projeto. E esses avanços são apresentados ao cliente sempre com uma estruturação clara, com padrão evidente. As reuniões também são boas oportunidades para alinhamento de prioridades da marca para o seu projeto de publishing.

Conselho editorial

Além disso, a Barões sempre sugere a criação de um conselho editorial para reuniões mensais ou bimestrais com os principais stakeholders do cliente e o grupo de trabalho, para um acompanhamento mais macro do projeto.

Em seu dia a dia, Joana atua diretamente tanto no atendimento aos clientes quanto no direcionamento das demandas para a equipe. Gestão tanto da porta para fora quanto da porta para dentro.

“Também sou responsável por criar e acompanhar os fluxos e processos que garantem a integração de todas as áreas e a realização de todas as etapas desde o início até o final da entrega. Passo o dia trocando informações com a equipe. Um profissional de gestão se comunica intensamente, praticamente a maior parte do dia eu estou trocando e-mail e mensagens individualmente ou em grupos”, conta a gestora.

Documentação de um projeto

Outro ponto muito importante em um projeto de Brand Publishing, e que precisa ser olhado de perto por Joana, é a parte de documentação. Toda a equipe precisa ter acesso de forma organizada aos documentos de um projeto. Isso garante conhecimento e padronização necessários para a escalabilidade de um negócio.

Documentos são essenciais para refletir a evolução e os aprendizados de cada projeto. E o nível da gestão de documentos é um dos critérios para definir a maturidade de um empresa. Com seus clientes, a Barões mantém toda a documentação de um projeto desde os primeiros planejamentos até o arquivamento de todas as apresentações feitas nos checkpoints semanais.

Uma empresa de gestão

Tanto na conclusão de sua apresentação interna quanto na entrevista que fizemos, Joana finalizou falando sobre os valores da empresa onde tanto tem crescido profissionalmente. Pois dentro de uma organização como a Barões, o peso de uma gestão bem feita tem impacto em absolutamente todas as áreas. Tanto para a equipe quanto para os clientes. É missão, visão e valor ao mesmo tempo.

“A Barões é uma empresa de gestão que acredita na estruturação dos processos como forma de diferenciação entre as empresas do mercado de comunicação brasileiro. E isso é um valor muito importante na Barões. Acredito que a gestão é o que tem nos levado ao crescimento em tempo tão curto e de forma sólida, com grande potencial de expansão. Esse jeito Barões vai nos levar longe, não tenho dúvida!”, finalizou Joana.