Barões
GE Reports

GE Reports: hub de conteúdo que humaniza e aproxima a GE do público

Descubra como a GE consegue fazer um conteúdo tão específico viralizar

16 de julho de 2019

Redação

Durante anos, o marketing de conteúdo da GE foi o melhor da categoria. Em, 2008 foi pioneiro no setor com o lançamento de seu hub de conteúdo, o GE Reports e impulsionou o campo com campanhas consistentes criativas e relevantes desde então. Um bom exemplo é a campanha que foi ao ar no Oscar 2017: “E se Millie Dresselhaus, cientista feminina, fosse tratada como uma celebridade?”. A proposta é promover a igualdade na área da ciência e da tecnologia e firmar o compromisso da GE de contratar 20 mil mulheres em posições técnicas até 2020.

GE Report

Com quase um milhão de visualizações no YouTube, o vídeo de Millie Dresselhaus encantou mulheres, fãs de ciência e até mesmo quem não é da área. E isso é exatamente o que torna os esforços da GE tão especiais. Com muito trabalho, talento e uma estratégia estelar, o conteúdo da empresa de 125 anos conseguiu captar um público maior e mais amplo. Ao mesmo tempo em que promove sua missão, atraindo potenciais talentos e humanizando o enorme escopo do que a empresa faz: novas e inovadoras tecnologias para a engenharia das ferramentas e equipamentos que alimentam nossas casas e o mundo.

Conheça algumas razões pelas quais o conteúdo da GE é um dos exemplos mais bem sucedidos de marketing de conteúdo. O hub de conteúdo tem centenas de milhares de leitores dedicados, suas histórias regularmente se tornam virais nas redes sociais e sua cobertura na imprensa acaba se conectando à marca GE.

1- É tudo sobre a “transação de conteúdo”

Muitos profissionais de marketing criam conteúdo sem considerar totalmente o público. Não a GE. Por exemplo, o GE Reports publicou uma reportagem sobre uma fazenda revolucionária no Japão alimentada por luzes LED feitas pela GE. A fazenda coberta cresceu a alface duas vezes e meia mais rapidamente que uma fazenda convencional. E reduziu os resíduos de 50% para 10%. Em comparação com a fazenda média, foi 100 vezes mais produtivo por metro quadrado.

Tornar-se viral é difícil de prever, mas o sucesso da GE não é por acaso. A empresa deu a seu público algo de valor – uma história sobre uma tecnologia que poderia ajudar a resolver a fome no mundo – e foi recompensada. Quando tudo foi dito e feito, mais de um milhão de pessoas leu a história.

2- Você precisa aposentar o comunicado de imprensa

Veja esse exemplo: uma turbina a vapor de 150 libras desenvolvida por um engenheiro do GE Global Research. É forte o suficiente para abastecer uma cidade pequena, mas ainda mais surpreendente: funciona com dióxido de carbono. 

Um comunicado de imprensa sobre essa tecnologia pode ter sido ignorado pelos repórteres. Em vez disso, o GE Reports escreveu uma notícia convincente sobre o assunto. Por que gastar horas convencendo os jornalistas? Você pode falar com eles e com o seu público ao mesmo tempo.

3- Vá além do blog

O GE Reports é um dos portais de marca mais populares que você encontrará. Mas isso não basta para a marca. A GE tem sido uma das primeiras empresas na maioria das plataformas sociais, incluindo Instagram, Periscope e Snapchat. Mas sem abrir mão das plataformas digitais mais “antigas”, como o e-mail.

4- Construa uma cultura de conteúdo

O conteúdo nem sempre é sobre você. E os resultados não devem pensar apenas na sua marca. 

Um exemplo foi a matéria sobre Santa Helena, a ilha remota onde Napoleão morreu no exílio. Alaynah Boyd, especialista em comunicação da GE , apresentou uma história sobre como a GE estava ajudando a abrir o primeiro aeroporto da ilha. A história não se tornou auto-promocional. Apenas uma frase mencionou a GE. Esse foco na história, e não na marca, é o maior segredo para o sucesso do hub de conteúdo GE Reports.

Se você tem interesse em saber sobre como as marcas podem se estabelecer como publisher, assine nossa newsletter e receba o melhor conteúdo sobre Brand Publishing.